sábado, 21 de janeiro de 2012

Coletivo de Mulheres Negras/RJ













Conf. Municipal do Rio 2007a
Em 2008, o Coletivo de Mulheres Negras/RJ puxou essa campanha contra a Globo pela apresentação racista e pedófila do Programa do Jô Soares e o conteúdo machista das Novelas. 
O BBB já era uma morte anunciada. 
Só para relembrar...
  "... SE MULHER FOSSE BOA, DEUS TINHA UMA..."Fala do personagem Léo , 19/12/08 na novela A FAVORITA
TV GLOBO! "A GENTE SE VÊ POR AQUI..." mas 
NÃO É ASSIM QUE A GENTE QUER SER VISTA POR AÍ... 
 
                   "... SE MULHER FOSSE BOA, DEUS TINHA UMA..."Fala do personagem Léo , ontem, 19/12/08 na novela A FAVORITA
 




Foto  feita na Conferencia  Municipal de Mulheres em 200
Adicionar legenda

O Coletivo de Mulheres Negras do Rio de Janeiro continua , depois da denúncia do caso Jô, a  reforçar as fileiras da nossa indignação que é a  indignação das mulheres brasileiras e das nossas companheiras de luta em relação à novela A FAVORITA exibida no horário nobre, pela TV Globo.
Em momento algum, a Lei Maria da Penha é acionada ou  mencionada para punir as violências cometidas pelo marido Léo à Catarina e às demais personagens femininas da novela. As tentativas de estupro, violência doméstica, moral e psicológica, intolerância e lesbofobia, são banalizadas no contexto da novela.
E, para agravar nossa situação, o autor construiu um personagem que fala pela comunidade de Triunfo, local da trama, corroborando o preconceito da sociedade em relação às mulheres – a D. Irene, mãe da Catarina.
Nas falas da respeitável senhora podemos destacar a lesbofobia, reforço do machismo, do “ruim com ele, pior sem ele”,“o que as pessoas vão dizer ou pensar”,“ você agora é uma mulher separada, minha filha, tem que ter uma postura decente”.
 
TV GLOBO!
NÃO É ASSIM QUE A GENTE QUER SER VISTA POR AÍ...
A Globo, com sua abrangência nacional , deveria contribuir com a nossa luta pelo fim da violência contra as mulheres!
Veicular em horário nobre a Campanha lançada pela SPM dos Homens pelo fim da Violência Contra as Mulheres! Uma Campanha que "visa o engajamento dos homens pra a construção de uma sociedade mais justa e igualitária"!
A aldeia global deveria parar de andar na contramão do processo político, dos avanços que conquistamos através da Lei Maria da Penha/11.340 e reconhecer as desigualdades de gênero, informar os indicativos de assassinatos  cometidos pelos homens contra as mulheres e colher assinaturas dos homens para  reforçar a Campanha!
Como se não bastassem os textos e personagens intolerantes com as Religiões de Matrizes Africanas, algumas vezes exibidos no eixo humorístico da Globo, a novela - A FAVORITA  segue o caminho do machismo, violência e desrespeito .
Ontem, 19 de dezembro/2008 na fala do personagem Léo, infelizmente, o protótipo do marido de “muitas Catarinas” por esse Brasil afora , a Globo, em rede nacional , nos presenteou com a manutenção do machismo, lesbofobia , sexismo e intolerância que estruturam o imaginário da violência contra as mulheres.
Continuamos sendo merecedoras das porradas e mortes, pois somos “ filhas do Cão” filhas malditas de Eva e, portanto, temos um destino  traçado.
 E, a Globo reitera com veemência esse castigo imputado à Eva/Dedina que cometeu o “pecado” e destituiu Adão/Léo/Elias/Damião( os machos “vítimas” das mulheres  na novela) do “estado de pureza e graça”.
 Na fala do Léo somos todas Vagabundas. Vadias. Cachorras. 
 
 
“Mulheres são filhas do Cão”
 
“Se mulher fosse boa, Deus tinha uma”
 
“Vocês mulheres não servem pra nada”
 
“Mulher só serve prá uma coisa...e assim mesmo... nem 
 
 todas...”
falas do personagem Léo no cap. de ontem-19/12/08,  dialogando com um cão deitado no sofá.
 
 
Vilma Piedade
 
Coordenadora do Coletivo de Mulheres Negras do Rio de Janeiro
 
 
 
 

Altamiro Borges: Após protesto, Sopa sai da pauta

Altamiro Borges: Após protesto, Sopa sai da pauta: Por Kerison Lopes, no sítio Vermelho : O autor do projeto de lei americano antipirataria (Sopa), Lamar Smith, declarou nesta sexta-feira (...

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

MULHERES DA PARAHYBA: ESTUPRO CAMUFLADO E AO VIVO

MULHERES DA PARAHYBA: ESTUPRO CAMUFLADO E AO VIVO: Esse é mais um caso que nos chega camuflado, e tenta passar mais rápido que nosso poder de raciocinar e mobilizar. E pior, mediante a forma...